domingo, 3 de junho de 2012

Avaliação Português - 4º ano


Avaliação de Português – 2º Bimestre

Escola: ___________________________________
Aluno(a): __________________________________
Professora: SilmaraRoblesEscorsin  
4º ano                                                  Data: ______/______/ 2011.

Leia o texto com atenção e depois  marque a alternativa correta:

Eu

Eu não era velho nem novo. Tinha a capa colorida, um pouco amassada, e uma das páginas rasgada na parte de baixo, naquele lugar que chamavam de pé de página. Vivia jogado no canto de um quarto, junto de velhos brinquedos. Todos os dias o menino entrava para brincar. O que eu mais queria era que ele me desse atenção, me segurasse, passasse as minhas páginas, lesse o que eu tenho para contar. Mas que nada! Brincava  naquele quarto e nem me olhava. Ficava horas e horas com os toquinhos de madeira, carrinhos, quebra-cabeça e outros brinquedos. Eu me sentia um grande inútil.
Um dia não aguentei mais: chorei tanto, mas tanto, que minhas lágrimas molharam todas as minhas páginas e o chão. Parecia que eu tinha feito xixi no quarto. Levei um tempão para secar. Veio a noite, as lágrimas continuavam úmidas. Comecei a bater o queixo de frio e espirrar. Só não fiquei gripado porque fui dormir debaixo do ursinho de pelúcia.
No dia seguinte, quando os raios de sol entraram pela janela, me senti melhor, e minhas páginas secaram todas.
A minha sorte é que as letras não deslizaram pelas páginas e foram embora.

Pontes Neto

1)A história que você leu acontece:
(     ) Numa rua                                  (     ) Num quarto
(     ) Numa janela                              (     ) Num baú

 2) O personagem principal era:
(     ) Um brinquedo                                     (     ) Um livro
(     ) Um caderno                                       (     ) Um menino

 3) No trecho “Parecia que eu tinha feito xixi no quarto” a expressão grifada dá a ideia de:
(     ) Tempo                             (     ) Lugar
(     )           Causa                             (     ) Intensidade

 4) O desejo do personagem era:
(     ) Que lhe desse atenção                       
(     ) Que passasse suas páginas.
(      ) Que lhe segurasse e lesse                
(     ) Todas opções acima.

 5) “Eu me sentia um grande inútil”, a palavra grifada significa:

(     ) Útil                       (      ) Agradável             (     ) Valorizado              (      )  Sem valor.

Frango com quiabo
Ingredientes:
500 g de frango cortado
Suco coado de três limões
3 dentes de alho amassados
Salsicha, sal e pimenta a gosto
1 cebola grande cortada em cubos
3 tomates sem sementes, cortados em cubos

Modo de Fazer:
Tempere o frango com a metade do suco de limão, põe o alho e o sal e deixe por uma hora. Lave bem os quiabos, corte as pontas, coloque-os em um recipiente e regue com a outra metade do suco de limão. Em uma panela, aqueça o azeite e doure os pedaços de frango. Acrescente a cebola e os tomates, refogue e, fogo baixo, mexendo sempre. Junte os quiabos escorridos. Deixe cozinhar até os quiabos estejam macios. Adicione as salsichas. Sirva assim que retirar do fogo.

6) Este texto é:

(     ) Uma receita culinária                             (     ) A história de um frango
(     ) Uma instrução de um jogo                           (     ) Uma bula de remédio

7) Este texto serve para ensinar:

(     ) Cozinhar em fogão a lenha                   (      ) Fazer frango com quiabo
(     ) Fazer suco de limão                                      (     ) Brincar de cozinhar

 8) Para fazer frango com quiabo é preciso:

(     ) Folha de louro                                              (     ) Chuchu refogado
(     ) Dourar o frango                                (     ) Cebolas cortadas em cubos

 9)De acordo com o texto, a primeira coisa a ser feita é:

(     ) Aquecer o azeite                                (     ) Temperar o frango
(     ) Dourar o frango                               (     ) Juntar os quiabos ao frango

 Atenção ao seguinte texto:

Convite
A Escola Estadual Dona Agostinha Flor de Maria convida todas as mães para uma festa comemorativa do dia das mães, que acontecerá .....................................................................................

 10) Para que os alunos e suas mães possam comparecer à essa festa, é necessário escrever no convite as seguintes informações:
(     ) No dia 10 de maio, às 18 horas, no pátio da escola.
(     ) No dia 10 de maio, no pátio da escola.
(     ) No dia 10 de maio, às 18 horas.
(     ) No pátio da escola, às 16 horas.

Leia o texto:

O amor de mãe não é mesquinho. É como plantar e regar mudas de árvores para gerações futuras: a mãe, amamenta, alimenta, educa e dá carinho, preparando o ser humano que um dia, será do mundo.
11) Sobre o que o texto fala?
(     ) Amor de filho
(     ) Amor de mãe
(     ) Cuidado com o mundo
(     ) Cuidado com as plantas

 Leia o texto para responder corretamente:

A MENINA E O LOBO

 Certo dia, a mãe de uma menina mandou que ela levasse um pouco de pão e de leite para sua avó. Quando a menina ia caminhando pela floresta, um lobo aproximou-se e perguntou-lhe para onde se dirigia.
- Para a casa de vovó - ela respondeu.

Fonte: DARNTON,R. O Grande Massacre dos Gatos e outro episódios da História Cultural francesa. Rio de Janeiro: Graal, s.d. (fragmento)

 Leia o texto com muita atenção.

                     A boneca Guilhermina
            Esta é a minha boneca, a Guilhermina. Ela é uma boneca muito bonita, que faz xixi e cocô. Ela é muito boazinha também. Faz tudo o que eu mando. Na hora de dormir, reclama um pouco. Mas depois que pega no sono, dorme a noite inteira! Às vezes ela acorda no meio da noite e diz que está com sede. Daí eu dou água para ela. Daí ela faz xixi e eu troco a fralda dela. Então eu ponho a Guilhermina dentro do armário, de castigo. Mas quando ela chora, eu não aguento. Eu vou até lá e pego a minha boneca no colo. A Guilhermina é a boneca mais bonita da rua.

 MUILAERT, A. A boneca Guilhermina. In: As reportagens de Penélope. São Paulo: Companhia das Letrinhas, 1997, p. 17. Coleção Castelo Rá-Tim-Bum –Vol 8

 12)O trecho “A Guilhermina é a boneca mais bonita da rua” expressa
(     ) uma opinião da dona sobre a sua boneca.
(     ) um comentário das amigas da dona da boneca.
(     ) um desejo da dona de Guilhermina.
(    ) um fato acontecido com a boneca e a sua dona.

13)No trecho “Mas quando ela chora, eu não aguento”, a expressão sublinhada e em negrito significa, em relação à dona da boneca, sentimento de
(     ) paciência.                                           (     ) pena.
(     ) raiva.                                                 (     ) solidão.

 Leia:

Meu nome é Teddy. O furão se chama Rikki. Eu gosto do furão. Minha família também. Ele é muito curioso. Nós gostamos muito do furão, mas meus vizinhos morrem de medo. Eles querem ver o furão longe daqui.
14) No texto a palavra ELE substitui:
(     ) Família                                                        (     ) Furão 
(     ) Teddy                                                          (     ) Vizinho

              Boa Sorte!!!

Tia Silmara

Um comentário:

Teatro Folclore

Preparação Prova Brasil

Interpretação de Texto

Apostila de Textos